Leitão quer usar dinheiro de equipamentos do Novo Pronto-Socorro para “socorrer” saúde estadual

postado em: Notícias | 0

 

O deputado federal Nilson Leitão (PSDB) protocolizou na Casa Civil do Governo Federal um pedido para mudar a destinação de parte da emenda da bancada mato-grossense de 2016. Para ele, R$ 80 milhões destinados a equipar o novo Pronto-Socorro de Cuiabá será melhor aplicado se destinado a pagar dívidas dos Hospitais Regionais.

Leia mais:
Taxa sobre diesel é apontada como saída em busca por “dinheiro novo” para crise da saúde

“Estou tentando remanejar R$ 80 milhões, que está destinado para equipamentos, para o custeio. Já estamos com ofício na Casa Civil do [presidente Michel] Temer. Esses R$ 80 milhões vão ajudar muito para resolver problemas de dívidas com a saúde”, afirmou o presidente regional do PSDB, Nilson Leitão, após se reunir com o governador Pedro Taques.

De acordo com ele, alguns dos 11 membros da bancada federal de Mato Grosso prefere destinar o dinheiro aos municípios, mas, para ele, a verba será melhor utilizada nos Hospitais Regionais. Isso porque o Estado tem dificuldades para quitar um saldo devedor antigo.

“Em minha opinião, tem que ser para atender os sete hospitais regionais e o hospital de Cuiabá. Enquanto existir essa dívida do passado, nós não vamos conseguir resolver a questão do futuro”, ponderou.

Em 12 de dezembro de 2016, a bancada federal de MT anunciou que destinaria R$ 100 milhões para saúde em Mato Grosso. Desse montante, R$ 80 milhões para equipar o Novo Pronto-Socorro de Cuiabá e os outros R$ 20 milhões para distribuir entre outras unidades de saúde pública.

Atualmente, no entanto, a Saúde Pública estadual sofre uma crise de sub financiamento. Sem verbas suficientes, o Governo do Estado atrasou repasses e o atendimento de várias unidades foi comprometido. Estado, municípios e Assembleia Legislativa discutem soluções a curto, médio e longo prazo ao problema.

 

Fonte: Olhardireto

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

8 − oito =