Prefeito diz que processo seletivo ainda será implantado, mas prepara concurso público na Saúde

postado em: Notícias | 0

O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), afirmou que o concurso público para contratação de servidores para a saúde municipal não deve ser lançado antes das eleições deste ano. Uma ação que tramita na Justiça questiona o excesso de contratações temporárias na Saúde, mas o prefeito já justificou que cumpriu uma determinação do Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso (TCE-MT) e realizou um processo seletivo para a saúde. De acordo com Emanuel os aprovados no processo seletivo têm sido substituídos gradativamente.

Leia mais:
Prefeito demite servidores da saúde que estavam cometendo vandalismo no HMC

Por meio de nota a Prefeitura explicou que a ação que tramita na Justiça é anterior à determinação do TCE-MT pela realização do processo seletivo. O prefeito disse que a decisão do TCE-MT já foi cumprida em 2019 e que a realização de um concurso público não deve acontecer este ano.

“De concreto é o processo seletivo, que gradativamente nós estamos treinando, qualificando e empossando os novos quadros, mas assim mesmo se vê os problemas que dá de vagas, constantemente desistem, é muito sazonal, entra médico, sai médico, entram quatro, aí sete pedem desligamento, então estou buscando este equilíbrio, então concurso não vai dar tempo [este ano]”.

O prefeito ainda afirmou que a decisão sobre a realização de um concurso será sim cumprida, porém o lançamento do certame só deve acontecer após o período eleitoral deste ano.

“Antes do seletivo foi feito o pedido do MP, e depois não foi dada informação, nessa época ainda não tínhamos feito seletivo, agora a decisão veio no momento em que o seletivo está em plena implantação, por isso que eu tenho certeza que nós vamos esclarecer isso, agora é preparar concurso, deixar todas as bases do concurso prontas para após o processo eleitoral, e dentro do que determina a lei se fazer a convocação do concurso público, como fizemos na Educação e na Assistência Social”.

Fonte: Olhar Direto 18/01/2020

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezenove + três =